Exames Diagnósticos é a solução para quem não pode contar com um plano de saúde, mas necessita de atendimento mais rápido com preço realmente acessível.

 

Ressonância Magnética do Crânio

 

Ressonância Magnética do Crânio

Conceito de Ressonância do Crânio:

Estudo do encéfalo, base de crânio, nervos cranianos, sela túrcica, hipófise e ouvidos.

A ressonância magnética (RM) do crânio ou craniana (cabeça) é um exame com excelente acuidade diagnóstica na avaliação do encéfalo, muito importante no estudo de diversas patologias. A RM do crânio é particularmente útil no estudo de isquemias / enfartes, hemorragias, infecções, doenças neurológicas degenerativas ou autoimunes, doenças oncológicas (tumores cerebrais), entre outras.

O que é ressonância magnética?

O exame de ressonância magnética (RM) ou ressonância magnética nuclear (RMN) serve para auxiliar o médico no diagnóstico de diversas doenças, assim como para avaliar a resposta ao tratamento. Ao contrário da radiografia (RX) e da tomografia computadorizada (TC), não utiliza radiação ionizante. A RM funciona com um campo magnético intenso e ondas de rádio para produzir imagens detalhadas dos diferentes órgãos e sistemas do corpo humano.

Ressonância Magnética do Crânio com contraste

Na ressonância magnética com contraste é avaliado o comportamento vascular das estruturas em estudo, complementando a avaliação inicial sem contraste.

O gadolínio é uma substância administrada por via endovenosa que aumenta a intensidade de sinal das estruturas com fluxo sanguíneo aumentado, por exemplo no contexto de tumores ou inflamações. O uso de gadolínio está contra-indicado em doentes com insuficiência renal grave. A amamentação não é contra-indicação para a administração de contraste. No caso de mulheres grávias, o risco é discutido entre o Médico Radiologista e o Médico Assistente. Episódio prévio de reação anafilática a gadolínio é outra contra-indicação para o uso deste tipo de contraste, no entanto as reações são muito menos frequentes comparativamente ao uso de contrastes iodados em TC.

 

Em muitos casos, a RM craniana não precisa utilizar contraste, conseguindo-se, mesmo assim, excelentes acuidades diagnósticas. Todavia, em determinados casos podem ser usados contrastes para uma melhor observação das estruturas (tumores, inflamações, …). A decisão de usar contraste cabe ao Médico Neurorradiologista.

 

Procedimento da Ressonância do Crânio

O paciente é posicionado na mesa do equipamento e o técnico especialista coloca um dispositivo chamado de Bobina de RF ao lado da área de interesse do exame, como, por exemplo, o ombro, a cabeça ou o joelho. A seguir, a mesa desliza suavemente para dentro do aparelho onde o paciente permanece durante o exame. O técnico sai da sala, mas fica em constante contato com o paciente através de um aparelho de comunicação interna. Durante o exame o paciente ouve ruídos parecidos com batidas em intervalos irregulares. Isto significa que as imagens estão sendo adquiridas, sendo necessário que o paciente fique imóvel. Dependendo do exame, torna-se necessária a injeção de contraste endovenoso durante o procedimento.

Para fazer seu orçamento entre em contato com a nossa central de agendamento, 

Tel. 11 2348-0193 

Exames que cabem no seu bolso.

 

Como é feita a ressonância magnética do Crânio?

Não é necessário realizar qualquer tipo de preparação prévia para realizar a ressonância magnética craniana nem efetuar qualquer tipo de jejum antes e após a execução do exame nos casos em que o exame é realizado sem contraste. Se houver necessidade de administrar contraste (RM craniana com contraste) o paciente deve cumprir um jejum de pelo menos 4 (quatro) horas. Algumas clínicas poderão solicitar que o paciente cumpra sempre o jejum para a eventual necessidade de administrar contraste.

Nos estudos encefálicos, os pacientes não devem usar gel ou creme no cabelo nem maquiagem porque originam artefatos e deformações nas imagens.

 

Por questões de segurança, os pacientes portadores de alguns dispositivos como válvulas cárdicas, stents, próteses, implantes, entre outros, devem informar o médico e fazer-se acompanhar do relatório clínico que descreva o tipo de material implantado, para atestar a sua compatibilidade com o campo magnético.

O paciente deve tomar os medicamentos (ou remédios) habituais. A interrupção de qualquer tipo de medicação deve ser efetuada apenas por indicação do seu médico.

 

O Técnico de Radiologia executa o exame que posteriormente será interpretado e relatado pelo Médico Radiologista.

Os resultados do exame são conhecidos após o Médico Radiologista validar o relatório final.

 

O tempo que demora a execução do exame varia de acordo com o tipo de órgão em estudo. A duração média é de 40 minutos (oscila, habitualmente entre os 15 e os 60 minutos).

 

A RM é um exame não invasivo e indolor, ou seja, o paciente não sente qualquer tipo de dor durante a realização do exame.

 

Este exame precisa ser agendado (tel.: 11 2348-0193).

 

Pré-Agendamento exclusivo para pacientes que durante o dia não tem disponibilidade em agendar seu exame.

ressonancia-tucuruvi

RESSONÂNCIA TUCURUVI

Av. Nova Cantareira, 2575. Tucuruvi - SP

COMO CHEGAR

ressonancia-barra-funda

RESSONÂNCIA BARRA FUNDA

R. Dona Germaine Burchard, 286. Água Branca - SP

COMO CHEGAR

Realizamos também outros exames